Novoeste on-line - Onde o Oeste da Bahia é Notícia
> Principal > Artigos > Pauta Livre > Cidades: questão ambiental e voto
 
Cidades: questão ambiental e voto
30/09/2016 as 15:42 h  Autor Coriolano Xavier  Imprimir Imprimir
O desperdício de alimentos parece uma endemia da modernidade. Os Estados Unidos, por exemplo, estavam jogando no lixo ou largando pelo caminho cerca de 40% dos alimentos, considerando-se o ciclo da fazenda ao garfo.¹ No Brasil, fala-se em desperdício alimentar de 20 a 30%. O desperdício em si já é uma questão moral, pois subtrai parcela do direito a vida de milhares de famintos que habitam o planeta. Mas o nosso foco, aqui neste comentário, é o problema que isso representa, enquanto fator gerador de lixo.

Mas não fica nisso, pois  além da enorme quantidade desperdiçada de alimentos, temos ainda o gigantesco volume de embalagens e componentes utilizados para a comercialização dos produtos, que precisa ser regularmente descartado. Quando essa imensidão de lixo vai para aterros sanitários, tudo bem. Mas boa parte nem aí chega e tem destinação inadequada em rios, lagos, mar e outros locais, gerando impactos negativos sobre o ambiente e a qualidade de vida das pessoas.

Em nosso país, ainda não há estrutura suficiente para coleta seletiva e reciclagem de lixo. Nem em cidades pequenas, com um desafio de lixo menor, nem na maioria das cidades de maior porte, pelo Brasil afora. Às vezes, até já existem processos organizados de coleta seletiva; mas é comum encontrar um descompasso entre eles e os investimentos necessários para a industrialização do lixo, quebrando assim a corrente da eficiência na reciclagem.

Um dos caminhos para mudar essa realidade está no voto, buscando o comprometimento de partidos, governos e candidatos com políticas que construam uma urbanidade mais sustentável.  Agora mesmo teremos uma grande rodada de eleições municipais, que é uma oportunidade para se debater e alertar as pessoas sobre a importância de plataformas políticas com proposições para ganhos de qualidade ambiental no dia a dia das cidades.

Em sustentabilidade, o homem é o que mais conta. Seja como beneficiário, seja como agente. Antes de ficar esperando por políticas públicas, ou torcendo pela evolução  dos  pressupostos da chamada economia verde (ainda germinando), temos que tomar partido e mudar visões em prol de cidades e estilos de vida mais harmonizados com o ambiente e a conservação de recursos.

Isso implica em revisar os próprios hábitos, é claro. Mas também significa revisar crenças, ideologias e critérios de escolhas políticas. Significa participar mais das discussões sobre a realidade em que se vive, conhecer melhor as plataformas de gestão pública dos partidos ou candidatos e, por fim, também votar na sustentabilidade.

Não importa se a proposta for modesta, limitada no seu alcance, e representar um avanço pequeno na direção de um mundo melhor. O ponto é outro e tem a ver com atitude: se os problemas existem, alguma coisa tem que ser feita. É isso que nos torna uma humanidade. Com um detalhe: nosso horizonte não é hoje, ou o ano que vem, mas sim os 9 bilhões de seres humanos que habitarão o planeta, em cerca de 30 anos.

** Diagnóstico encontrado em relatório do NRDC – Natural Resources Defense Council (Conselho de Defesa dos Recursos Naturais)

Coriolano Xavier, Vice-Presidente de Comunicação do Conselho Científico Agro Sustentável (CCAS), Professor do Núcleo de Estudos do Agronegócio da ESPM.

Comente via Facebook
Mais Artigos
No h comentrios.
img
img
RSS  Artigos Artigos

O escritor foi e ainda é, para as crianças que estão começando a descortinar o infinito horizonte da palavra, algo inatingível, meio mágico, talvez mítico.Isso, dito por elas mesmas. A criança é naturalmente curiosa, sedenta de conhecimento e experiência, e ficar cara a cara com...
Na civilização humana, em todos os tempos as gesticulações passaram a simbolizar determinados comportamentos e construir significados diversos para cada sociedade e para cada povo. Gestos humanos servem tanto para simbolizar comportamentos positivos, bem como...
https://www.novoeste.com/uploads/image/artigos_gaudencio-torquato_jornalista-professor-usp-consultor-politico.jpgHoje, tomo a liberdade de fazer uma reflexão sobre a vida. Valho-me, inicialmente, de Sêneca com seu puxão de orelhas: “somos gerados para uma curta existência.  A vida é breve e a arte é longa. Está errado. Não dispomos de pouco tempo, mas desperdiçamos muito. A vida é longa...
A presidenta do Instituto Justiça Fiscal aponta o falso dilema para a escolha eleitoral de 2022 e indica as fontes de custeio para vencer o quadro desolador de fragilidade da maioria do povo brasileiro. A próxima eleição, se ocorrer, certamente exigirá muito de nós. Mas não será uma escolha difícil. Para começar, terceira via não existe! Ou melhor: existe, em Bolsonaro. Este, que pode parecer insano, sádico, intratável, joga o jogo e...
A Constituição Cidadã erigiu a dignidade da pessoa humana como seu fundamento, ao lado da soberania, cidadania, valores sociais do trabalho e da livre iniciativa e o pluralismo político. Trata-se, portanto, de um dos pilares que legitimam o Estado Social e Democrático que fundou....
img
img
img
PUBLICAÇÕES RECENTES
img




img



img
img
img
CASAS img LOTES img FAZENDAS
img
CHÁCARAS img PRÉDIOS COMERCIAIS img GALPÕES
img
RSS  Dicas de Leitura Dicas de leitura
img
Ambientado em uma comunidade japonesa de São Paulo, lançamento ficcional da escritora Juliana Marinho promove o poder da música como intervenção para cura de doenças. A musicoterapia, união da arte e saúde em busca da reabilitação ou promoção do bem-estar, é a responsável...
Por meio da personagem Malu, as escritoras e letrólogas paulistas Nanda Mateus e Raphaela Comisso dialogam com as crianças sobre diversidade familiar e desmistificam a homoparentalidade. Nanda Mateus trabalha com educação e inovação em tecnologias para...
Existem músicas para os momentos felizes, tristes e até aquelas que marcam datas especiais, mas para Melody King é diferente: as canções são uma consequência — infelizmente incontrolável — de uma rara doença. As dificuldades em lidar com as embaraçosas situações,...
img
img
RSS  Top Vdeos Top Vídeos
img
Thumbnail
img
img
img
RSS  Classificados Classificados
img
img
img



RSS GOOGLE + YOUTUBE TWITTER FACEBOOK