Novoeste on-line - Onde o Oeste da Bahia é Notícia
> Principal > Artigos > Pauta Livre > O orgulho que não serve aos brasileiros
 
O orgulho que não serve aos brasileiros
07/06/2016 as 16:36 h  Autor Genaldo de Melo  Imprimir Imprimir
Qual é mesmo o orgulho de um país que se torna uma das maiores economia do planeta, com mais de trinta bilionários, e com alguns endeusados do mundo da economia reclamando que o nosso crescimento foi pífio, enquanto outras nações foram aos ápices? O orgulho de concentrar renda, e enriquecer apenas uns poucos, e assim mesmo diminuir taxas de crescimento é orgulho falso, já que determinados orgulhos sempre foram a sombra maligna da grandeza.
 
Qual é mesmo o orgulho em saber que somos e estamos entre as maiores economias do mundo, e temos indivíduos capazes de acumular riquezas além dos limites do ponderável, enquanto continuamos tendo próximo da metade da população em pleno século 21, sem acesso a maioria dos bens de consumo do mundo moderno? Orgulho de que mesmo? Orgulho de ícones, enquanto o povo morre de fome? Enquanto a violência e a drogadição aumenta, e mais e mais jovens perdem o sentido de ser o futuro da humanidade, porque não têm emprego, e nem espaço no mundo do trabalho? Porque downsizing é a lei e accountability a solução?
 
Avançamos além dos limites através de estudos e a avanços tecnológicos, mas estamos regredindo na condição de seres humanos que somos, e mais ainda brasileiros. Para a opinião do Jornalismo da Obediência a coisa mais linda do mundo é se orgulhar porque uns poucos são bilionários, e brasileiros por sinal, na certeza que outro dia ultrapassaremos os bons mexicanos. Belo orgulho...!
 
Chegamos sim na condição de fazer inveja aos americanos, ingleses e o resto dos europeus, que sempre foram os colonizadores do mundo. Mas para que serve mesmo tal fato enquanto parcela de nossa população sobrevive de aposentadorias da Terceira Idade, de bolsa-família, de esmolas de políticos corruptos, de cestas básicas de feijão velho da CONAB, da falsidade daqueles que mantêm filantropias e dizem que é Terceiro Setor?
 
Se não tomarmos cuidado com o andamento das coisas, daqui a pouco muita gente vai ficar no grande laboratório do mundo dos fracos, fora dos castelos de pedra dos grandes e fortes, que sairão para suas empresas, e seus passeios noturnos, em helicópteros. Daqui a pouco seremos todos virtuais!




Genaldo de Melo

Fonte: genaldo40.blogspot.com

Comente via Facebook
Mais Artigos
No h comentrios.
img
img
RSS  Artigos Artigos

Embora pensada para se opor à polarização entre direita e esquerda nas eleições presidenciais, a candidatura de terceira via, se ocorrer, favorecerá Lula e atrapalhará Bolsonaro. Por natureza, o eleitorado de esquerda comparece incondicionalmente às urnas e vota no candidato da tendência, mesmo...
Em evento de filiação ao Podemos e com discurso político, Sérgio Moro traz à tona sentimentos e projeções variadas acerca de seus objetivos políticos. Símbolo maior da Operação Lava Jato quando juiz, superministro do Governo Bolsonaro, trabalhador da iniciativa privada nos EUA, enfim, uma trajetória já assaz atribulada nos últimos anos e, agora, uma pré-candidatura, ao que tudo indica para a Presidência, em 2022, mas não...
O partido que desfralda a bandeira da socialdemocracia e adota um tucano como símbolo, o PSDB, está em frangalhos. Quando foi criado em 1988 era a esperança de o país pela trilha de uma nova política, amparada no conceito do Estado comprometido com o bem estar social e aberto aos...
O cipoal de leis que restringe a liberdade individual deve ser censurado. Característica principal dos sistemas socialistas anacrônicos e até mesmos dos híbridos, a hegemonia de leis que restringe a liberdade individual vem contaminando o progresso geral. A liberdade é instrumento de construção e de evolução meteórica mais consistente dentro dos sistemas viáveis de construção da sociedade humana. Os dois caminhos experimentados pelas...
A Caridade é o centro gravitacional da consciência ideológica, portanto, educacional, política, social, filosófica, científica, religiosa, artística, esportiva, doméstica e pública do Cidadão Espiritual. Desse modo, se o ser humano não tiver compreensão dela, deve esforçar-se para entendê-la, a fim de...
img
img
img
PUBLICAÇÕES RECENTES
img




img



img
img
img
CASAS img LOTES img FAZENDAS
img
CHÁCARAS img PRÉDIOS COMERCIAIS img GALPÕES
img
RSS  Dicas de Leitura Dicas de leitura
img
Ambientado em uma comunidade japonesa de São Paulo, lançamento ficcional da escritora Juliana Marinho promove o poder da música como intervenção para cura de doenças. A musicoterapia, união da arte e saúde em busca da reabilitação ou promoção do bem-estar, é a responsável...
Por meio da personagem Malu, as escritoras e letrólogas paulistas Nanda Mateus e Raphaela Comisso dialogam com as crianças sobre diversidade familiar e desmistificam a homoparentalidade. Nanda Mateus trabalha com educação e inovação em tecnologias para...
Existem músicas para os momentos felizes, tristes e até aquelas que marcam datas especiais, mas para Melody King é diferente: as canções são uma consequência — infelizmente incontrolável — de uma rara doença. As dificuldades em lidar com as embaraçosas situações,...
img
img
RSS  Top Vdeos Top Vídeos
img
Thumbnail
img
img
img
RSS  Classificados Classificados
img
img
img



RSS GOOGLE + YOUTUBE TWITTER FACEBOOK