Novoeste on-line - Onde o Oeste da Bahia é Notícia
> Principal > Artigos > Pauta Livre > Programas de governo
 
Programas de governo
13/09/2014 as 10:52 h  Autor Pedro Cardoso da Costa  Imprimir Imprimir
Não podemos ser indelicados para dizer logo no título que não é lá “grande coisa”. Mas alguém precisa dizer, já que os analistas políticos e os jornalistas não falam com precisão e firmeza que não são tão importantes como querem fazer crer.

É comum se ouvir que isso e aquilo “está no nosso programa de governo”. Papel aceita tudo mesmo. Pelo que consta neles, suíços e noruegueses morreriam de inveja dos brasileiros.

Mas essas previsões programáticas deveriam ser mais bem analisadas pelos especialistas. A maioria dos que prometem nos seus escritos já são políticos há décadas e já têm um histórico de promessas descumpridas. Pelo que me lembro, Dilma garantiu 6 mil creches na campanha anterior. De vez em quando se falava quantas tinham sido construídas. Agora nas campanhas nem são lembradas. Parece ser proibido falar disso.

Geraldo Alckmin está no comando do estado de São Paulo desde 2001 e, com a naturalidade de uma debutante, faz várias promessas na sua campanha eleitoral. Nem a maior crise de abastecimento de água de sua história faz arrefecer a sanha de promessas do candidato, eterno governador.

Num comício no Nordeste eles prometem acabar a transposição do rio São Francisco que ninguém mais sabe a quantas anda. Assim, promete-se resolver todos os problemas de cada região, de cada grupo social, de cada comunidade e até de pessoas individualmente.

Não ponderam nem com relação às possíveis contradições. São capazes de prometer aos evangélicos que vão retirar todos os símbolos católicos de instituições públicas e, ao mesmo tempo, são capazes de garantir aos católicos não só a manutenção, como até a ampliação.

Todos são unânimes em defender implicitamente o direito à igualdade entre as pessoas, como se tivesse força para fazer algo contrário às regras constitucionais, mas ninguém defende o casamento entre pessoas do mesmo sexo de forma explícita. Colocam a matreira conversa de que são favoráveis à união estável, ao direito de herança dos bens, mas nunca a favor do matrimônio clara e objetivamente.

Outro exemplo crasso é dizer que vai diminuir carga tributária e aumentar a arrecadação. E não há quem questione com veemência essas contradições. Quando se procede dessa maneira, como fez os âncoras do Jornal Nacional, causa estranheza nas pessoas, indignação nos correligionários e expressões raivosas nos entrevistados.

Quando já foi prefeito, governador, presidente, quem já exerceu vários cargos e se candidata pela milésima vez, em qualquer outro lugar do mundo, não teria mais o direito de prometer. A cada promessa perderia alguns votos. Isso poderia ser feito pelos novatos.

Enaltecer o que está em programas é tão descompromissado e ingênuo quanto quem vota pelo que neles está escrito. Papel aceita tudo e não há prova maior do que as próprias leis que são letras mortas neste país e os programas de governo que são verdadeiros abortos prévios.
 
Pedro Cardoso da Costa – Interlagos/SP
Bacharel em direito

Comente via Facebook
Mais Artigos
No h comentrios.
img
img
RSS  Artigos Artigos

Embora pensada para se opor à polarização entre direita e esquerda nas eleições presidenciais, a candidatura de terceira via, se ocorrer, favorecerá Lula e atrapalhará Bolsonaro. Por natureza, o eleitorado de esquerda comparece incondicionalmente às urnas e vota no candidato da tendência, mesmo...
Em evento de filiação ao Podemos e com discurso político, Sérgio Moro traz à tona sentimentos e projeções variadas acerca de seus objetivos políticos. Símbolo maior da Operação Lava Jato quando juiz, superministro do Governo Bolsonaro, trabalhador da iniciativa privada nos EUA, enfim, uma trajetória já assaz atribulada nos últimos anos e, agora, uma pré-candidatura, ao que tudo indica para a Presidência, em 2022, mas não...
O partido que desfralda a bandeira da socialdemocracia e adota um tucano como símbolo, o PSDB, está em frangalhos. Quando foi criado em 1988 era a esperança de o país pela trilha de uma nova política, amparada no conceito do Estado comprometido com o bem estar social e aberto aos...
O cipoal de leis que restringe a liberdade individual deve ser censurado. Característica principal dos sistemas socialistas anacrônicos e até mesmos dos híbridos, a hegemonia de leis que restringe a liberdade individual vem contaminando o progresso geral. A liberdade é instrumento de construção e de evolução meteórica mais consistente dentro dos sistemas viáveis de construção da sociedade humana. Os dois caminhos experimentados pelas...
A Caridade é o centro gravitacional da consciência ideológica, portanto, educacional, política, social, filosófica, científica, religiosa, artística, esportiva, doméstica e pública do Cidadão Espiritual. Desse modo, se o ser humano não tiver compreensão dela, deve esforçar-se para entendê-la, a fim de...
img
img
img
PUBLICAÇÕES RECENTES
img




img



img
img
img
CASAS img LOTES img FAZENDAS
img
CHÁCARAS img PRÉDIOS COMERCIAIS img GALPÕES
img
RSS  Dicas de Leitura Dicas de leitura
img
Ambientado em uma comunidade japonesa de São Paulo, lançamento ficcional da escritora Juliana Marinho promove o poder da música como intervenção para cura de doenças. A musicoterapia, união da arte e saúde em busca da reabilitação ou promoção do bem-estar, é a responsável...
Por meio da personagem Malu, as escritoras e letrólogas paulistas Nanda Mateus e Raphaela Comisso dialogam com as crianças sobre diversidade familiar e desmistificam a homoparentalidade. Nanda Mateus trabalha com educação e inovação em tecnologias para...
Existem músicas para os momentos felizes, tristes e até aquelas que marcam datas especiais, mas para Melody King é diferente: as canções são uma consequência — infelizmente incontrolável — de uma rara doença. As dificuldades em lidar com as embaraçosas situações,...
img
img
RSS  Top Vdeos Top Vídeos
img
Thumbnail
img
img
img
RSS  Classificados Classificados
img
img
img



RSS GOOGLE + YOUTUBE TWITTER FACEBOOK