Novoeste on-line - Onde o Oeste da Bahia é Notícia
> Principal > Artigos > Pauta Livre > A dinamite e o desespero de um pai
 
A dinamite e o desespero de um pai
11/07/2012 as 14:53 h  Autor tenente dirceu  Imprimir Imprimir
Ao encontrar explosivos na mochila do filho de 21 anos, o homem, desesperado, muniu-se de uma banana de dinamite, aplicou uma surra no rapaz e o denunciou à polícia. A atitude extrema desse pai, que colocou em risco a própria vida, a do filho e de todos os presentes ao imóvel, dá uma mostra do quadro dramático em que vivem milhares de famílias que, diante da modernidade, se tornaram impotentes para cuidar e encaminhar seus filhos. Desesperados, pais e mães acabam radicalizando a ponto de prender o filho errante em casa, até amarrados com correntes e cadeados, ou chegam ao extremo da agressão como o visto nesta segunda-feira, com o uso da dinamite, em Araraquara (SP).

A preocupação com o encaminhamento das crianças é antiga. O próprio Pelé, - que anos depois só reconheceu a filha por força judicial e teve problemas com o filho - ao comemorar seu milésimo gol, em dezembro de 1969, já advertia que era preciso fazer algo pelas crianças brasileiras. “Pensem no Natal, pensem nas criancinhas” - disse o craque que, 40 anos depois, em 2009, lamentou: "A situação está pior. A educação das crianças não melhorou. Hoje elas batem nos professores”.

Nas últimas quatro ou cinco décadas, vimos o Brasil sair do patamar de país eminentemente agrícola para o de uma avançada e hoje globalizada sociedade industrial. Mas, lamentavelmente, os avanços não foram capazes de contemplar o povo que, apesar da tecnologia disponível, a ela não tem acesso. O país ainda não equacionou a mudança do perfil da população rural para a urbana, e o povo sofre. As famílias vivem o drama de não terem como bem encaminhar seus filhos pois até a autoridade, muitas vezes excessiva no passado, lhe foi tirada pelos equivocados métodos modernos.

O mercado de trabalho que todos um dia terão de enfrentar é cada dia mais exigente e a escola, pelo processo da massificação, revela-se menos preparadora. As amarras estabelecidas pelo ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente), como a eliminação do trabalho infantil e juvenil, não cumprem o ciclo na medida em que a sociedade não oferece oportunidade de ensino e qualificação a todos. Aí, no vácuo da oportunidade, surgem os esquemas criminosos, que cooptam e escravizam milhares de jovens e suas famílias.

O encaminhamento e a oportunidade para os jovens, talvez, seja o maior desafio do Brasil contemporâneo. Tudo aquilo que não foi feito a partir do alerta do rei do futebol, está fazendo muita falta. Os governantes, as entidades da sociedade civil e todas as cabeças pensantes deste país precisam, sem perda de tempo, se mobilizar em busca da solução para esse grande problema. Em vez da repressão policial, dos internamentos e das medidas punitivas, é preciso pensar naqueles que ainda não caíram na degradação e salvá-los para, junto com eles, salvar o futuro do próprio país.

Tenente Dirceu Cardoso Gonçalves – dirigente da ASPOMIL (Associação de Assist. Social dos Policiais Militares de São Paulo) - aspomilpm@terra.com.br

Comente via Facebook
Mais Artigos
No h comentrios.
img
img
RSS  Artigos Artigos

Embora pensada para se opor à polarização entre direita e esquerda nas eleições presidenciais, a candidatura de terceira via, se ocorrer, favorecerá Lula e atrapalhará Bolsonaro. Por natureza, o eleitorado de esquerda comparece incondicionalmente às urnas e vota no candidato da tendência, mesmo...
Em evento de filiação ao Podemos e com discurso político, Sérgio Moro traz à tona sentimentos e projeções variadas acerca de seus objetivos políticos. Símbolo maior da Operação Lava Jato quando juiz, superministro do Governo Bolsonaro, trabalhador da iniciativa privada nos EUA, enfim, uma trajetória já assaz atribulada nos últimos anos e, agora, uma pré-candidatura, ao que tudo indica para a Presidência, em 2022, mas não...
O partido que desfralda a bandeira da socialdemocracia e adota um tucano como símbolo, o PSDB, está em frangalhos. Quando foi criado em 1988 era a esperança de o país pela trilha de uma nova política, amparada no conceito do Estado comprometido com o bem estar social e aberto aos...
O cipoal de leis que restringe a liberdade individual deve ser censurado. Característica principal dos sistemas socialistas anacrônicos e até mesmos dos híbridos, a hegemonia de leis que restringe a liberdade individual vem contaminando o progresso geral. A liberdade é instrumento de construção e de evolução meteórica mais consistente dentro dos sistemas viáveis de construção da sociedade humana. Os dois caminhos experimentados pelas...
A Caridade é o centro gravitacional da consciência ideológica, portanto, educacional, política, social, filosófica, científica, religiosa, artística, esportiva, doméstica e pública do Cidadão Espiritual. Desse modo, se o ser humano não tiver compreensão dela, deve esforçar-se para entendê-la, a fim de...
img
img
img
PUBLICAÇÕES RECENTES
img




img



img
img
img
CASAS img LOTES img FAZENDAS
img
CHÁCARAS img PRÉDIOS COMERCIAIS img GALPÕES
img
RSS  Dicas de Leitura Dicas de leitura
img
Ambientado em uma comunidade japonesa de São Paulo, lançamento ficcional da escritora Juliana Marinho promove o poder da música como intervenção para cura de doenças. A musicoterapia, união da arte e saúde em busca da reabilitação ou promoção do bem-estar, é a responsável...
Por meio da personagem Malu, as escritoras e letrólogas paulistas Nanda Mateus e Raphaela Comisso dialogam com as crianças sobre diversidade familiar e desmistificam a homoparentalidade. Nanda Mateus trabalha com educação e inovação em tecnologias para...
Existem músicas para os momentos felizes, tristes e até aquelas que marcam datas especiais, mas para Melody King é diferente: as canções são uma consequência — infelizmente incontrolável — de uma rara doença. As dificuldades em lidar com as embaraçosas situações,...
img
img
RSS  Top Vdeos Top Vídeos
img
Thumbnail
img
img
img
RSS  Classificados Classificados
img
img
img



RSS GOOGLE + YOUTUBE TWITTER FACEBOOK