Novoeste on-line - Onde o Oeste da Bahia é Notícia
> Principal > Dicas de Leitura > Dicas de Leitura > UMA SAÍDA PARA A DEPRESSÃO
 
UMA SAÍDA PARA A DEPRESSÃO
29/05/2015 as 14:47 h  Autor Editoria  Imprimir Imprimir
Jornalista brasileiro, Maurício Zágari, aborda o importante assunto em seu novo livro: “O fim do sofrimento”

Segundo um levantamento feito no ano passado por um dos maiores jornais do Brasil, o número de mortes relacionadas à depressão cresceu 705% no país em 16 anos. Esta doença tem chamado cada vez mais a atenção da população mundial, governos e órgãos relacionados à saúde. Apesar do cuidado ter aumentado, o resultado não é animador. Segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), cerca de 11 milhões de brasileiros sofrem de depressão, número que abrange 7,6% da população de 18 anos ou mais.

Mas o que fazer para vencer essa doença que, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), é a mais incapacitante? Ainda não existe uma receita perfeita, porém existem caminhos que podem salvar pessoas que a enfrentam. É isso que propõe o livro do jornalista e teólogo Maurício Zágari, O fim do sofrimento – Um livro para quem busca consolo e esperança nos momentos mais sombrios. Obra repleta de conselhos práticos e inspirativos para todos os que estão, experimentando tristeza e dor.

Na obra, Maurício, jornalista e teólogo, alerta sobre os dois tipos existentes de depressão e deixa claro qual delas precisa de um tratamento médico adequado e qual pode ser vencida por meio da fé.  "Há dois tipos principais de depressão. O primeiro é uma doença, causada por alterações químicas no cérebro, e deve ser tratada com medicamentos indicados por um psiquiatra. Buscar ajuda profissional não é pecado, muito menos falta de fé — é como tomar remédio para dor de cabeça: simplesmente há uma disfunção no organismo que necessita de substâncias químicas que a solucionem. Não é sobre essa forma de depressão que quero abordar, pois é um caso médico. Quero lidar com o segundo tipo de depressão que é, em outras palavras, o profundo abatimento de alma, consequência de circunstâncias da vida que causam forte impacto sobre nosso estado emocional."

O livro, que é um lançamento da Editora Mundo Cristão, se estrutura em torno de 30 afirmações que pessoas em sofrimento costumam expressar, como: “Tudo está mal”, “Estou deprimido”, “Não consigo mais sorrir”, “Estou infeliz”, “Não tenho paz”, “A vida está muito difícil”, “Não tenho mais forças”, “Tudo acabou”, “Meus sonhos não se realizam”, “Minha vida acabou”. Elas são frutos de uma enquete informal realizada por Maurício com centenas de pessoas ao longo de um ano.

Com um texto acolhedor, o autor procura mostrar para as pessoas o significado do fim do sofrimento não apenas no sentido de extinção, término e chegada ao ponto final do tempo de luta, mas também sobre o seu fim no sentido de finalidade e propósito. Tudo com uma linguagem simples e clara, capaz de conquistar e ajudar todos os tipos de leitores.

O escritor alerta sobre a importância de tratar a depressão e a urgência em lidar com esse problema, quando existente: “Se alguém está sofrendo de depressão, o melhor momento para buscar ajuda é ontem. Depressão é um quadro que não permite adiar a procura por auxílio, pois ela é capaz de transformar uma pessoa em outra. E só quem pode dizer de que tipo de depressão sofremos é um médico psiquiatra. O especialista faz uma análise do caso e, se for diagnosticada a depressão, é preciso buscar tratamento. Dependendo de cada caso, há diferentes tipos de providências a tomar, sejam elas médicas, psicológicas ou espirituais. Isso é um assunto sério e deve ser visto com a gravidade que merece, sem misticismos ou irresponsabilidade.”

O propósito apresentado por Maurício Zágari neste livro é afirmar que até dos piores momentos pode-se tirar lições preciosas. Ele enfatiza: “Na maioria das vezes, não descobrimos as razões do sofrimento enquanto o vivenciamos. Às vezes, passado o tempo, enxergamos os motivos.”. O fim do sofrimento será um auxílio para quem encara todos os dias uma das doenças mais temidas e devastadoras. É uma palavra de paz e ajuda que vai de encontro a quem precisa.

Ficha Técnica
Editora Mundo Cristão
Autor: Maurício Zágari
ISBN: 978-85-433-0079-5
Páginas: 176
Formato: 14x21
Preço: R$ 24,90

Sobre o autor: Maurício Zágari: editor, escritor, jornalista e teólogo. É autor de seis livros e já recebeu os Prêmios Areté de "Autor Revelação do Ano" e de "Melhor Livro de Ficção/Romance". Pela Editora Mundo Cristão, publicou o livro Perdão total e produziu os textos da obra É tempo de orar. Escreve regularmente em seu blog Apenas.

Fonte: Lilian Comunica
comunicacao@liliancomunica.com.br
Comente via Facebook

Mais Dicas de Leitura
img





img
RSS  Artigos Artigos

A ação da Polícia Federal na Universidade Federal de Minas Gerais, uma repetição da violência praticada também contra a Universidade Federal de Santa Catarina – que culminou com a morte do reitor Carlos Cancellier – parece indicar efetivamente, como denunciou o senador Roberto Requião, uma...
Disse o Sérgio Moro de sempre, diante de um comentário do ex-presidente Lula sobre os desmandos da justiça, que não debateria “publicamente com pessoas condenadas por crimes”. É a cara dele. Acha-se no direito de tecer comentários sobre tudo e sobre todos, projetando-se...
Nos últimos três anos, a Petrobras, maior empresa brasileira, foi alvo de um processo sistemático de desmoralização. Como resultado, a companhia começou a ser esquartejada, com vários de seus ativos sendo vendidos sem nenhuma transparência, e o pré-sal, maior...
Virou moda atribuir a violência e a criminalidade à falta de policiamento ou aos métodos de trabalho empregados pela força policial. O tema já sustentou muitas campanhas eleitorais e serviu de instrumento para os agitadores sociais atingirem seus objetivos. Uns clamam por maior presença...
Lembrei-me da música “A ordem do inverso” quando vi a reportagem sobre o primeiro transplante de coração do mundo. O Brasil parece ser mesmo o país do tanto faz, o que é correto já não vale mais, pelo visto roubaram SIM a imparcialidade da impressa, mas do simples cidadão a consciência, ainda não. Veja como se encontra a “imparcialidade da imprensa” nessa reportagem do fantástico em comemoração aos 50 anos do...
img
img
img
PUBLICAÇÕES RECENTES
img




img

img
img
img
CASAS img LOTES img FAZENDAS
img
CHÁCARAS img PRÉDIOS COMERCIAIS img GALPÕES
img
RSS  Dicas de Leitura Dicas de leitura
img
Ao questionar Paulo Freire, Ronai Rocha analisa alguns dos paradigmas mais arraigados na nossa educação. A crise na educação brasileira é inegável. A baixa qualidade das aprendizagens, a estagnação do desempenho escolar nos testes padronizados, a pouca...
Mais de quinze anos depois do lançamento de As aventuras de Pi, Yann Martel retoma ao cenário literário com o romance As altas montanhas de Portugal, publicado no Brasil pelo selo Tordesilhas. Nesse livro, Martel mantém o estilo inventivo e...
Com os filhos pequenos à sua volta, Graça Ramos fazia a brincadeira das palavras para estimulá-los a construir um vocabulário rico. “Saía muito disparate”, ela se diverte ao lembrar. Ainda grávida, lia em voz alta para que os bebês em...
img
img
RSS  Top Vídeos Top Vídeos
img
Thumbnail
img
img
img
RSS  Classificados Classificados
img



img
img



RSS GOOGLE + YOUTUBE TWITTER FACEBOOK