Novoeste on-line - Onde o Oeste da Bahia é Notícia
> Principal > Dicas de Leitura > Dicas de Leitura > Dicionário da religiosidade popular traz estudo aprofundado sobre todas as religiões brasileiras
 
Dicionário da religiosidade popular traz estudo aprofundado sobre todas as religiões brasileiras
02/02/2015 as 22:02 h  Autor Editoria  Imprimir Imprimir
Durante quarenta anos, Frei Chico reúne estudos realizados no Brasil e em Portugal sobre a múltipla experiência religiosa.
 
Hoje é o Dia de Iemanjá, também conhecida como Rainha do Mar. O orixá africano faz parte da religião do candomblé e de outras religiões afro-brasileiras. Para se aprofundar nesta religião, a editora Nossa Cultura apresenta o primeiro Dicionário da Religiosidade Popular, que tem todas as características de um ‘abecedário’, no sentido humanista.

Durante quarenta anos, o autor Francisco van der Poel (conhecido como Frei Chico) reuniu e organizou em verbetes uma grande variedade de informações sobre a vida e a experiência religiosa do povo brasileiro. Buscou a coerência de suas culturas e não tanto a lógica total e racionalista. Tanto recorreu às ciências e às artes, quanto procurou estar presente onde as coisas acontecem. Pesquisou também arquivos no Brasil e em Portugal.

Na análise da relação entre cultura e religião, alguns temas são constantes: as raízes indígenas; a memória da escravidão e da mãe África; a forte influência lusa; a brasilidade mestiça; a dialética entre o oficial e o popular, hoje e no passado; migração e urbanização; a situação socioeconômica; a mídia; a união na diversidade; a comunidade de base; instituições religiosas e a fé viva do povo. Assim, diferente de outros, este não é um dicionário de folclore no sentido que não enfoca apenas o tradicional, mas a múltipla experiência religiosa do povo brasileiro no passado e no presente.

Foi privilegiada a fala do povo através dos seus representantes: o mestre da folia, a rezadeira, o capitão do congado, a mãe de santo, o cordelista e tantos outros. Suas histórias, depoimentos, provérbios, cantos e orações estão impressos em itálico, destacando assim a parte mais importante do Dicionário.

Na religiosidade popular, aparecem assuntos tais como a espinhela caída, simpatias para curar, transe, visagens, que não cabem nas teorias oficiais e, neste Dicionário, há uma preocupação essencial: compreendê-los, sem recorrer a explicações como as da parapsicologia.

Sobre o Autor: Francisco van der Poel, franciscano, membro do corpo docente do Instituto Jung, em Belo Horizonte (MG); do Conselho do Centro da Memória da Medicina, na UFMG; do corpo docente do Instituto Santo Tomás de Aquino, de teologia; da Comissão Mineira do Folclore; do Instituto Histórico e Geográfico de Minas Gerais; da Ordem dos Músicos do Brasil; formado em Teologia, na Holanda; licenciado em Filosofia, em São João del Rei (MG); publicou seis livros; é palhaço do Teatro Terceira Margem, em Belo Horizonte.
 
Ficha Técnica
Páginas: 1150
Formato: 27 x 20 cm
ISBN: 9788580661026
Preço: 290,00

Fonte: Lilian Comunica
www.liliancomunica.com.br
Comente via Facebook

Mais Dicas de Leitura
img



img
RSS  Artigos Artigos

O fim do imposto sindical é um crime contra a democracia e contra os trabalhadores. Fragiliza o mundo do trabalho e libera o mercado para ter ainda mais lucros, abrindo caminho para ampliar a nossa dramática desigualdade social, uma das maiores do mundo. Os mais pobres vão...
O ser humano se constrói todos os dias e um pouco por dia. Ninguém nasce pronto e nunca estaremos prontos. Vamos nos fazendo. Estamos abertos a construção. Por isso, quando alguém diz "eu já fiz tudo", " eu já sei tudo", está indo contra a própria dinâmica da vida de estar sempre...
Maria José Nogueira Pinto, foi uma jurista portuguesa que batalhou incansavelmente pela justiça, e ao ler a sua última crônica, saltou-me aos olhos a integridade de caráter daquela mulher. Ela travou muitas batalhas até ser vencida pelo câncer e como ela, entendo que devemos todos travar...
No próximo dia 25 de abril, a classe contábil brasileira comemora o Dia do Profissional da Contabilidade. Este é o 91º ano que a data é festejada, desde que foi instituída pelo senador contador João Lyra Tavares, em 1926. Em seu pronunciamento, ele propôs regulamentar a profissão, bem como ensinar os fundamentos contábeis nas escolas, já que, na época, não se consideravam as funções contabilísticas, suas causas e efeitos. Como triunfo, seus...
De repente, o jovem muda o comportamento e passa a ter atitudes autodestrutivas. Não é raro os que com ele convivem pensarem ter se envolvido com drogas ou enfrentando algo maior do que sua capacidade de assimilação. Além desses problemas clássicos, surge agora...
img
img
img
PUBLICAÇÕES RECENTES
img




img


img
img
img
CASAS img LOTES img FAZENDAS
img
CHÁCARAS img PRÉDIOS COMERCIAIS img GALPÕES
img
RSS  Dicas de Leitura Dicas de leitura
img
Obra da Ática, lançada em 2011, traz as ilustrações originais de Jim Kay e tradução do escritor Antônio Xerxenesky. É o pesadelo de novo, como em quase todas as noites depois que a mãe de Conor ficou doente. A escuridão, o vento, os gritos – e o despertar no mesmo ponto, antes de...
Os Direitos Humanos e os Valores Humanistas estão presentes nas mais diversas tradições religiosas e filosóficas da Humanidade. Eles não são monopólio do Ocidente ou propriedade cristã. As maiores religiões e sistemas filosóficos afinam, nos seus grandes postulados, com as...
O ex-ministro Luiz Carlos Borges da Silveira, que ocupou a pasta da saúde entre os anos de 1987 e 1989, no governo de José Sarney, acaba de lançar seu novo livro: “Nova República: 30 Anos de altos e baixos”. A obra retrata o período que vai do fim da ditadura militar e eleição do primeiro presidente...
img
img
RSS  Top Vídeos Top Vídeos
img
Thumbnail
img
img
img
RSS  Classificados Classificados
img



img
img



RSS GOOGLE + YOUTUBE TWITTER FACEBOOK