Novoeste on-line - Onde o Oeste da Bahia é Notícia
> Principal > Notícias Destaque > Notícias/Agência Einstein > Atividade física reduz risco de morte em pessoas com cardiodesfibrilador implantável
 
NOTCIAS DO DIA... NOTCIAS DO DIA...
Atividade física reduz risco de morte em pessoas com cardiodesfibrilador implantável
03/08/2021 as 19:09 h  Autor Editoria  Imprimir Imprimir

Foto: Internet/Google/Divulgação

Pacientes com arritmias no coração que
tem esse equipamento no corpo vão menos
para o hospital se praticam atividade
física, segundo novo estudo

Um estudo desenvolvido pelo Inova Heart and Vascular Institute, nos Estados Unidos, conclui que a atividade física diária está associada a um menor risco de hospitalizações e morte entre adultos acima de 65 anos que usam o chamado cardioversor desfibrilador implantável (CDI). O equipamento é inserido dentro do corpo de pacientes com certas arritmias. Quando o coração começa a bater de forma caótica, ele dispara um pequeno choque elétrico para restaurar o ritmo normal. Isso serve para prevenir paradas cardíacas, de acordo com a Sociedade Brasileira de Arritmias Cardíacas (Sobrac).

Publicado no periódico científico Circulation: Cardiovascular Quality and Outcomes, da Associação Americana do Coração, o estudo analisou as informações de saúde e atividade física de cerca de 42 mil pacientes com esse dispositivo. Eles tinham, em média, 75 anos - 72% eram do sexo masculino e 90%, brancos. Os sensores do próprio CDI também mediam o movimento dos participantes e a frequência cardíaca para detectar eventuais esforços físicos.

A partir daí, os pesquisadores constataram que os participantes que integravam um programa de reabilitação cardíaca — que inclui exercícios supervisionados - tinham 24% menos probabilidade de morrer de um a três anos após o implante do CDI. E cada dez minutos a mais de atividade física diária foram ligados a uma queda de 1% na mortalidade por todas as causas.

Programas de reabilitação cardíaca melhoram a capacidade funcional do coração e a qualidade de vida, além de reduzirem o risco de readmissão hospitalar. Ainda assim, a adesão tende a ser baixa. Nesse levantamento, apenas 3% dos participantes participaram dessas atividades.

É importante destacar, no entanto, que os exercícios entre pacientes com problemas no coração demandam um olhar atento do profissional de saúde, que é capaz de estipular limites e práticas que afastam eventos adversos.

A arritmia cardíaca

São alterações elétricas que provocam modificações no ritmo das batidas do coração, segundo a Sobrac. Se o músculo cardíaco bate rápido demais, é uma taquicardia. Já se é lento, trata-se de uma bradicardia. O atraso no diagnóstico e o tratamento inadequado elevam a probabilidade de parada cardíaca e morte súbita, entre outras consequências.

Entre os sintomas estão palpitações, desmaios e tonturas. Em certas situações, confusão mental, fraqueza, pressão baixa e dor no peito sinalizam o problema. Ele pode acometer pessoas de qualquer faixa etária, inclusive recém-nascidos. Mas é mais frequente em quem possui histórico de doenças cardíacas na família.

Para minimizar o risco de sofrer com essa enfermidade, recomenda-se alimentação balanceada, prática de exercícios, cuidado com a saúde emocional e consultas com médicos.

Por Alexandre Raith, da Agência Einstein

Comente via Facebook

Mais Not�cias
No h comentrios.
img

img
RSS  Artigos Artigos

Hoje, 21 de setembro, mais uma vez, como indica a tradição, o primeiro discurso na Organizações das Nações Unidas (ONU) cabe ao Brasil e, por isso, novamente, o Presidente Jair Bolsonaro ocupou a tribuna para suas considerações. Antes, porém, de deslindar sua fala, cabe, ainda que breves, algumas poucas observações acerca da comitiva presidencial em solo norte-americano. O Prefeito de Nova York, Bill de Blasio, chegou...
O setor de educação vive um momento instigante. Com a pandemia, todo mundo fez o possível para se adaptar. No ensino privado, com mais recursos, houve uma corrida para preservar as atividades com a estruturação, relativamente rápida, de ambientes de aprendizagem...
A crise político-institucional brasileira assumiu contornos dramáticos a partir da assunção de Jair Bolsonaro à presidência da República, em 2019. Desde então, o país - que já experimentava os efeitos nefastos da deposição farsesca da presidenta Dilma Rousseff, em 2016, ao cabo de um processo de impeachment juridicamente forjado - afundou numa espiral interminável de atos insensatos e grotescos protagonizados pelo próprio...
Afora a celebração de caráter histórico – o 199º aniversário da Independência – viveremos nesse 7 de setembro a preocupação com o equilíbrio institucional. A querela entre Executivo e Judiciário, protagonizada pelo presidente da República e ministros do Supremo Tribunal Federal, e a...
A pele já não sente os beliscões. Ganhou camadas impermeáveis de insensibilidade. Não reage aos impactos externos, sejam beliscões ou amputações. Crise sanitária era uma gripezinha. Hoje, uma pandemia que mata cerca de 600 mil pessoas. Crise política? Ah, essa vem de lá dos corredores do...
img
img
img
PUBLICAÇÕES RECENTES
img




img



img
img
img
CASAS img LOTES img FAZENDAS
img
CHÁCARAS img PRÉDIOS COMERCIAIS img GALPÕES
img
RSS  Dicas de Leitura Dicas de leitura
img
Ambientado em uma comunidade japonesa de São Paulo, lançamento ficcional da escritora Juliana Marinho promove o poder da música como intervenção para cura de doenças. A musicoterapia, união da arte e saúde em busca da reabilitação ou promoção do bem-estar, é a responsável...
Por meio da personagem Malu, as escritoras e letrólogas paulistas Nanda Mateus e Raphaela Comisso dialogam com as crianças sobre diversidade familiar e desmistificam a homoparentalidade. Nanda Mateus trabalha com educação e inovação em tecnologias para...
Existem músicas para os momentos felizes, tristes e até aquelas que marcam datas especiais, mas para Melody King é diferente: as canções são uma consequência — infelizmente incontrolável — de uma rara doença. As dificuldades em lidar com as embaraçosas situações,...
img
img
RSS  Top Vdeos Top Vídeos
img
Thumbnail
img
img
img
RSS  Classificados Classificados
img
img
img



RSS GOOGLE + YOUTUBE TWITTER FACEBOOK