Novoeste on-line - Onde o Oeste da Bahia é Notícia
> Principal > Artigos > Pauta Livre > Ordem e Progresso ou Ao deus dará
 
Ordem e Progresso ou Ao deus dará
28/02/2019 as 08:53 h  Autor Celso Luiz Tracco  Imprimir Imprimir
A divisa "Ordem e Progresso" que consta em nossa bandeira foi instituída após a proclamação da república em 15/11/1889. O lema republicano remete à corrente filosófica positivista, muito popular àquela época, cujo maior expoente foi o francês Augusto Comte que cunhou a frase: O Amor por princípio, a Ordem como base e o Progresso por fim. O filósofo brasileiro Raimundo Teixeira Mendes adaptou a frase para Ordem e Progresso, e ela consta do pavilhão nacional desde 19/11/1889. Nada mais irônico de que um dos símbolos da República Federativa do Brasil escancare o lema Ordem e Progresso.

Poderia ser mais uma piada pronta se não fosse trágico, afinal que ordem temos em nossa sociedade? Aparentemente nenhuma, tudo aqui fica ao deus dará. Alguns exemplos recentes:

- Após a tragédia do CT do Flamengo, temos notícia de que a maioria dos alojamentos de atletas instalados pelo país não tem alvará de funcionamento, vistorias de bombeiros ou outros documentos legais que assegurem o local como apto à atividade proposta. Pasmem, nem os centros de acolhimento de atletas das prefeituras possuem documentação e equipamentos em ordem, ou seja, se o próprio governo não fiscaliza seus imóveis imagine de outras entidades, esportivas ou não.

- Quando do recente colapso de um pilar e deslocamento de um viaduto da Marginal Pinheiros na capital paulista, não se encontrou as plantas originais que qualquer obra de engenharia civil precisa ter. Simplesmente as plantas de um viaduto de uma das principais vias da maior cidade do Brasil se perderam. E o que aconteceu? Absolutamente nada. Alguém foi punido? Não! Uma vergonha total!

- A (des)ordem de nosso sistema judiciário não contribui em nada para a justiça, ao contrário, propaga a (in)justiça. Recentemente uma decisão da justiça paranaense reduziu a pena de um ex-deputado estadual que anos atrás estava dirigindo seu potente carro, totalmente embriagado e em alta velocidade. O "nobre" deputado matou dois jovens após uma colisão. O que aconteceu com ele? Exato! Nada! Não passou nenhum dia na cadeia. Em liberdade teve, depois de alguns anos, sua pena (?) reduzida.

Exemplos da falta de ordem em nossa sociedade não faltam, afinal, somos mestres em puxadinhos, gambiarras e o nosso peculiar jeitinho brasileiro serve para tudo, menos para vivermos em Ordem e com Progresso. Pela nossa falta de ordem, nos últimos 40 anos, o Brasil vem progredindo, com referência ao PIB, menos que a média mundial.

Penso, que deveria ser mudado o lema da nossa bandeira. Em vez de ORDEM E PROGRESSO deveria constar ao deus dará, pois cada cidadão deve se virar por conta própria para sobreviver. No mínimo seria menos hipócrita, adequado à nossa cultura e mais representativo da realidade atual.




Celso Tracco
é escritor, palestrante e consultor - www.celsotracco.com

Comente via Facebook
Mais Artigos
No h comentrios.
img
img
RSS  Artigos Artigos

O escritor foi e ainda é, para as crianças que estão começando a descortinar o infinito horizonte da palavra, algo inatingível, meio mágico, talvez mítico.Isso, dito por elas mesmas. A criança é naturalmente curiosa, sedenta de conhecimento e experiência, e ficar cara a cara com...
Na civilização humana, em todos os tempos as gesticulações passaram a simbolizar determinados comportamentos e construir significados diversos para cada sociedade e para cada povo. Gestos humanos servem tanto para simbolizar comportamentos positivos, bem como...
https://www.novoeste.com/uploads/image/artigos_gaudencio-torquato_jornalista-professor-usp-consultor-politico.jpgHoje, tomo a liberdade de fazer uma reflexão sobre a vida. Valho-me, inicialmente, de Sêneca com seu puxão de orelhas: “somos gerados para uma curta existência.  A vida é breve e a arte é longa. Está errado. Não dispomos de pouco tempo, mas desperdiçamos muito. A vida é longa...
A presidenta do Instituto Justiça Fiscal aponta o falso dilema para a escolha eleitoral de 2022 e indica as fontes de custeio para vencer o quadro desolador de fragilidade da maioria do povo brasileiro. A próxima eleição, se ocorrer, certamente exigirá muito de nós. Mas não será uma escolha difícil. Para começar, terceira via não existe! Ou melhor: existe, em Bolsonaro. Este, que pode parecer insano, sádico, intratável, joga o jogo e...
A Constituição Cidadã erigiu a dignidade da pessoa humana como seu fundamento, ao lado da soberania, cidadania, valores sociais do trabalho e da livre iniciativa e o pluralismo político. Trata-se, portanto, de um dos pilares que legitimam o Estado Social e Democrático que fundou....
img
img
img
PUBLICAÇÕES RECENTES
img




img



img
img
img
CASAS img LOTES img FAZENDAS
img
CHÁCARAS img PRÉDIOS COMERCIAIS img GALPÕES
img
RSS  Dicas de Leitura Dicas de leitura
img
Ambientado em uma comunidade japonesa de São Paulo, lançamento ficcional da escritora Juliana Marinho promove o poder da música como intervenção para cura de doenças. A musicoterapia, união da arte e saúde em busca da reabilitação ou promoção do bem-estar, é a responsável...
Por meio da personagem Malu, as escritoras e letrólogas paulistas Nanda Mateus e Raphaela Comisso dialogam com as crianças sobre diversidade familiar e desmistificam a homoparentalidade. Nanda Mateus trabalha com educação e inovação em tecnologias para...
Existem músicas para os momentos felizes, tristes e até aquelas que marcam datas especiais, mas para Melody King é diferente: as canções são uma consequência — infelizmente incontrolável — de uma rara doença. As dificuldades em lidar com as embaraçosas situações,...
img
img
RSS  Top Vdeos Top Vídeos
img
Thumbnail
img
img
img
RSS  Classificados Classificados
img
img
img



RSS GOOGLE + YOUTUBE TWITTER FACEBOOK