Novoeste on-line - Onde o Oeste da Bahia é Notícia
> Principal > Artigos > Pauta Livre > Eleições diretas nos Tribunais de Justiça ampliariam sua eficiência
 
Eleições diretas nos Tribunais de Justiça ampliariam sua eficiência
31/07/2013 as 10:16 h  Autor desembargador Cláudio d  Imprimir Imprimir
Está na pauta da Câmara dos Deputados uma proposta de emenda constitucional que seria o golpe de misericórdia no combalido Judiciário brasileiro. Trata-se da PEC 457, que tramita desde 2005 e que se originou na PEC 42/2003. Travestido de proposição para aproveitar os magistrados com idade superior a setenta anos e que estariam em plena condição física para o trabalho, o projeto tem seduzido vários parlamentares brasileiros.
 
Destaque-se, porém, que esses mesmos deputados e senadores não têm cadeiras perpétuas no Poder Legislativo. Se quiserem um novo mandato, devem disputar eleições, independentemente de sua idade. Os juízes, ao contrário, ocupam cargos vitalícios, com a obrigação de se aposentar compulsoriamente aos setenta anos, exatamente como fazem todos os servidores públicos.

Configura um engodo a afirmação de que os magistrados mais experientes ficarão servindo ao povo até 75 anos e que isso geraria economia para a Previdência e evitaria a substituição de pessoas com plena capacidade de trabalho. Trata-se de argumento falacioso, pois o real interesse perseguido pela PEC 457 é a perenidade no poder dentro dos tribunais.

Ao contrário do que se propala, a medida aumentaria as despesas previdenciárias, pois os juízes atualmente na faixa etária dos 55 anos, sem perspectiva na carreira, iriam aposentar-se em grande número, deixando as Cortes nas mãos exclusivamente dos mais idosos, muitos afastados da base da Magistratura há mais de 25 anos. Note-se, por exemplo, que nas Forças Armadas as posições finais das carreiras somente podem ser ocupadas durante certo tempo (em torno de dez anos), exatamente para que os postos de comando submetam-se ao princípio republicano e democrático da alternância no Poder e que as pessoas que os ocupem estejam conscientes dos problemas enfrentados nas bases das instituições.

Por que o Judiciário não consegue ser republicano e democrático? O que querem os atuais dirigentes dos nossos tribunais, principalmente os estaduais? O que se busca é a manutenção dos que os dominam e se consideram donos dos seus orçamentos. É o exemplo grave do patrimonialismo brasileiro! Esses grupos não aceitam a democratização interna do Poder Judiciário, querem afastar os juízes das sedes suntuosas dos tribunais e não admitem qualquer forma de controle pelo povo. A jurisdição de primeiro grau fica relegada a plano secundário, com suas instalações precárias e seus juízes funcionários públicos subalternos. E o povo que tem fome e sede de Justiça jamais será saciado!

Por isso, é lógico que todos os juízes, e não apenas os desembargadores, como ocorre atualmente, tenham o direito de votar nas eleições às mesas diretoras de todos os tribunais de Justiça. Seria um grande exemplo de democracia! Ademais, os orçamentos dessas instituições são para todos os magistrados. Portanto, a prerrogativa do sufrágio não pode ser restrita.

É preciso dizer NÃO à PEC 457! Deve-se dizer SIM à eleição direta dos presidentes de tribunais! Com o voto de todos os juízes, teremos uma Justiça mais eficiente, unida e valorizada.

Por desembargador Cláudio dell´Orto. Presidente da Associação dos Magistrados do Estado do Rio de Janeiro (AMAERJ).

Comente via Facebook
Mais Artigos
No h comentrios.
img
img
RSS  Artigos Artigos

O escritor foi e ainda é, para as crianças que estão começando a descortinar o infinito horizonte da palavra, algo inatingível, meio mágico, talvez mítico.Isso, dito por elas mesmas. A criança é naturalmente curiosa, sedenta de conhecimento e experiência, e ficar cara a cara com...
Na civilização humana, em todos os tempos as gesticulações passaram a simbolizar determinados comportamentos e construir significados diversos para cada sociedade e para cada povo. Gestos humanos servem tanto para simbolizar comportamentos positivos, bem como...
https://www.novoeste.com/uploads/image/artigos_gaudencio-torquato_jornalista-professor-usp-consultor-politico.jpgHoje, tomo a liberdade de fazer uma reflexão sobre a vida. Valho-me, inicialmente, de Sêneca com seu puxão de orelhas: “somos gerados para uma curta existência.  A vida é breve e a arte é longa. Está errado. Não dispomos de pouco tempo, mas desperdiçamos muito. A vida é longa...
A presidenta do Instituto Justiça Fiscal aponta o falso dilema para a escolha eleitoral de 2022 e indica as fontes de custeio para vencer o quadro desolador de fragilidade da maioria do povo brasileiro. A próxima eleição, se ocorrer, certamente exigirá muito de nós. Mas não será uma escolha difícil. Para começar, terceira via não existe! Ou melhor: existe, em Bolsonaro. Este, que pode parecer insano, sádico, intratável, joga o jogo e...
A Constituição Cidadã erigiu a dignidade da pessoa humana como seu fundamento, ao lado da soberania, cidadania, valores sociais do trabalho e da livre iniciativa e o pluralismo político. Trata-se, portanto, de um dos pilares que legitimam o Estado Social e Democrático que fundou....
img
img
img
PUBLICAÇÕES RECENTES
img




img



img
img
img
CASAS img LOTES img FAZENDAS
img
CHÁCARAS img PRÉDIOS COMERCIAIS img GALPÕES
img
RSS  Dicas de Leitura Dicas de leitura
img
Ambientado em uma comunidade japonesa de São Paulo, lançamento ficcional da escritora Juliana Marinho promove o poder da música como intervenção para cura de doenças. A musicoterapia, união da arte e saúde em busca da reabilitação ou promoção do bem-estar, é a responsável...
Por meio da personagem Malu, as escritoras e letrólogas paulistas Nanda Mateus e Raphaela Comisso dialogam com as crianças sobre diversidade familiar e desmistificam a homoparentalidade. Nanda Mateus trabalha com educação e inovação em tecnologias para...
Existem músicas para os momentos felizes, tristes e até aquelas que marcam datas especiais, mas para Melody King é diferente: as canções são uma consequência — infelizmente incontrolável — de uma rara doença. As dificuldades em lidar com as embaraçosas situações,...
img
img
RSS  Top Vdeos Top Vídeos
img
Thumbnail
img
img
img
RSS  Classificados Classificados
img
img
img



RSS GOOGLE + YOUTUBE TWITTER FACEBOOK