Novoeste on-line - Onde o Oeste da Bahia é Notícia
> Principal > Artigos > Pauta Livre > CELM – CC 530-550
 
CELM – CC 530-550
14/03/2013 as 11:42 h  Autor Dhiogo José Caetano  Imprimir Imprimir
Queria entender o descaso das grandes empresas, que abarrotam os seus cofres, com o dinheiro de clientes, os quais se multiplicam a cada dia, esquecendo da assistência que obrigatoriamente deve ser prestada aos mesmos. Muito se preocupa com o marketing, esquecendo da importância do atendimento ao consumidor.

Como profissional de laboratório há oito anos, venho através deste, narrar a saga de problemas vividos no meu local de trabalho: Cito Lab Laboratório de Análise Clínica, Uruana, GO.

Há mais de sete anos que diariamente, não só eu, mas todos que compõem os recursos humanos do Cito Lab, vem enfrentando um stress sem solução; ficamos bestializados diante da situação. Lá se vai uma manhã, um dia, uma semana, um mês, dois ano na tentativa de solucionar os problemas do Contador de Celulas CC 530/550.

Quanta dor de cabeça, nervosismo, o tempo que se esvai, sem falar da quantidade de reagente que desmedidamente é gasto para realizar um único exame.

Nos intervalos estamos sempre contatando técnicos de diferentes locais, com objetivo de sanar os emblemáticos problemas.

Mas a assistência técnica em aparelhos científicos, autorizada pela CELM, sempre tentar nos ludibriar com discursos que na prática e na teoria não se adéqua aos questionamentos apontados.

Entramos, em contato com a CELM Cia Equipadora de Laboratória Modernos, a mesma aceitou o envio do aparelho; ficamos aguardando o veredito por parte da CELM que garantiu a devolução do mesmo em perfeito funcionamento.

Logo após este período o mesmo foi entregue a uma autorizada, a qual detectou que o mesmo não foi se quer aberto. Todos nós ficamos atônicos, a esperança havia se esgotado; financeiramente já havíamos gastado muito além do valor do aparelho em consertos, os quais não resultaram em nada.

Vários técnicos deram o seu parecer (palpite), incontáveis procedimentos operacionais eram realizados de acordo com o manual de operação da CELM. Mas os autodiagnósticos persistiam não possibilitando a realização dos exames.

As possíveis causas apontadas automática pelo aparelho (RBC/WBC Tempo Alto, RBC/WBC Tempo Baixo, RBC/WBC Ruído, HBC Erro No Zero, WBC Temperatura Baixa, HGB Amplificador Desajustado, Vácuo Baixo...) não se solucionavam com as ações corretivas minuciosamente descritas pelo manual de operação da CELM e os técnicos autorizados, os quais sempre colocavam a culpa no manuseio do mesmo, ou em possíveis peças estragadas, sendo que essas também não se encontram no mercado.

Em meio à “guerra”, era visível o nosso fracasso, “pagamos” para livra-nos deste empecilho que por um longo período nos “torturou” até as últimas consequências.

 Venho através do mesmo desabafar a dor de cabeça, o prejuízo, o desgaste mental e físico causado pelo Contador de Células CC 530/550A da CELM que na sua página principal da internet afirma: “buscar através de suas linhas de reagentes e equipamentos para diagnóstico in vitro em bioquímica, hematologia, eletroforese e também a linha hospitalar, proporcionar aos seus clientes e distribuidores confiança e tranquilidade através da qualidade reconhecida...”.

Em suma, fico a indagar os nossos direitos enquanto consumidor; o que podemos fazer diante de tais conflitos, quais as atitudes que devem ser tomadas, quem são os responsáveis, a quem recorrer, quais os órgãos que verdadeiramente vão nos defender, não sei mais o que fazer!?

Dhiogo José Caetano, professor, escritor e jornalista
dhiogocaetano@hotmail.com

Comente via Facebook
Mais Artigos
Não há comentários.
img
img
RSS  Artigos Artigos

O escritor foi e ainda é, para as crianças que estão começando a descortinar o infinito horizonte da palavra, algo inatingível, meio mágico, talvez mítico.Isso, dito por elas mesmas. A criança é naturalmente curiosa, sedenta de conhecimento e experiência, e ficar cara a cara com...
Na civilização humana, em todos os tempos as gesticulações passaram a simbolizar determinados comportamentos e construir significados diversos para cada sociedade e para cada povo. Gestos humanos servem tanto para simbolizar comportamentos positivos, bem como...
https://www.novoeste.com/uploads/image/artigos_gaudencio-torquato_jornalista-professor-usp-consultor-politico.jpgHoje, tomo a liberdade de fazer uma reflexão sobre a vida. Valho-me, inicialmente, de Sêneca com seu puxão de orelhas: “somos gerados para uma curta existência.  A vida é breve e a arte é longa. Está errado. Não dispomos de pouco tempo, mas desperdiçamos muito. A vida é longa...
A presidenta do Instituto Justiça Fiscal aponta o falso dilema para a escolha eleitoral de 2022 e indica as fontes de custeio para vencer o quadro desolador de fragilidade da maioria do povo brasileiro. A próxima eleição, se ocorrer, certamente exigirá muito de nós. Mas não será uma escolha difícil. Para começar, terceira via não existe! Ou melhor: existe, em Bolsonaro. Este, que pode parecer insano, sádico, intratável, joga o jogo e...
A Constituição Cidadã erigiu a dignidade da pessoa humana como seu fundamento, ao lado da soberania, cidadania, valores sociais do trabalho e da livre iniciativa e o pluralismo político. Trata-se, portanto, de um dos pilares que legitimam o Estado Social e Democrático que fundou....
img
img
img
PUBLICAÇÕES RECENTES
img




img



img
img
img
CASAS img LOTES img FAZENDAS
img
CHÁCARAS img PRÉDIOS COMERCIAIS img GALPÕES
img
RSS  Dicas de Leitura Dicas de leitura
img
Ambientado em uma comunidade japonesa de São Paulo, lançamento ficcional da escritora Juliana Marinho promove o poder da música como intervenção para cura de doenças. A musicoterapia, união da arte e saúde em busca da reabilitação ou promoção do bem-estar, é a responsável...
Por meio da personagem Malu, as escritoras e letrólogas paulistas Nanda Mateus e Raphaela Comisso dialogam com as crianças sobre diversidade familiar e desmistificam a homoparentalidade. Nanda Mateus trabalha com educação e inovação em tecnologias para...
Existem músicas para os momentos felizes, tristes e até aquelas que marcam datas especiais, mas para Melody King é diferente: as canções são uma consequência — infelizmente incontrolável — de uma rara doença. As dificuldades em lidar com as embaraçosas situações,...
img
img
RSS  Top Vídeos Top Vídeos
img
Thumbnail
img
img
img
RSS  Classificados Classificados
img
img
img



RSS GOOGLE + YOUTUBE TWITTER FACEBOOK