Novoeste on-line - Onde o Oeste da Bahia é Notícia
> Principal > Artigos > Pauta Livre > Os royalties do petróleo
 
Os royalties do petróleo
16/09/2011 as 19:07 h  Autor tenente dirceu  Imprimir Imprimir
Os royalties existem como forma de compensar os impactos que a atividade econômica provoca ao local. O município tem de preparar sua infraestrutura para receber a atividade e, tendo a renda da própria atividade, isso fica mais fácil e justo. Mas, por envolver elevadas somas, há o risco desse município ser altamente beneficiado e tornar-se rico, tendo os miseráveis ao seu redor. A grande tarefa que hoje se apresenta aos políticos e ao governo é dosar a participação de cada um na renda e equalizar tudo isso ao interesse nacional. Evidente que os produtores deverão ficar com parcela maior dos recursos, mas os consumidores também podem ser aquinhoados.

A distribuição de rendas e receitas é tema antigo. Nos anos 80 e 90, os municípios onde se encontram instaladas usinas hidrelétricas pleitearam e conseguiram receber royalties da geração de eletricidade. Como a usina normalmente abrange mais de um município, muitos deles brigaram entre si para definir o percentual de cada um. Desde o começo da industrialização nacional, São Paulo, Rio e os demais que foram se industrializando receberam críticas dos estados consumidores, que se sentiam lesados pelos produtores, já que entravam com o mercado mas não recebiam compensação.

A indústria petrolífera é gigantesca e estratégica. Movimenta somas astronômicas e vai buscar seus recursos em todos os pontos do país, onde se consome combustíveis, lubrificantes e petroquímicos. Picar os royalties para todos aqueles que, com seu mercado, contribuem para a formação do bolo parece ser a solução mais justa e sustentável. Mas os percentuais têm de ser compatíveis com a participação de cada um. Quem tem produção e consumo, logicamente, tem de receber fatia maior do que quem tem apenas consumo.

A concentração de riquezas é nociva para o país. Devemos nos esforçar para a produção nacional beneficiar o maior número possível de brasileiros. No dia em que os municípios interioranos apresentarem boas condições de vida, diminuirão muito os fluxos migratórios e os problemas das metrópoles hoje convulsionadas. O petróleo pode dar a grande oportunidade para o início dessa nova distribuição da renda nacional...

Tenente Dirceu Cardoso Gonçalves. Dirigente da ASPOMIL (Associação de Assist. Social dos Policiais Militares de São Paulo) - aspomilpm@terra.com.br


Comente via Facebook
Mais Artigos
No h comentrios.
img
img
RSS  Artigos Artigos

O escritor foi e ainda é, para as crianças que estão começando a descortinar o infinito horizonte da palavra, algo inatingível, meio mágico, talvez mítico.Isso, dito por elas mesmas. A criança é naturalmente curiosa, sedenta de conhecimento e experiência, e ficar cara a cara com...
Na civilização humana, em todos os tempos as gesticulações passaram a simbolizar determinados comportamentos e construir significados diversos para cada sociedade e para cada povo. Gestos humanos servem tanto para simbolizar comportamentos positivos, bem como...
https://www.novoeste.com/uploads/image/artigos_gaudencio-torquato_jornalista-professor-usp-consultor-politico.jpgHoje, tomo a liberdade de fazer uma reflexão sobre a vida. Valho-me, inicialmente, de Sêneca com seu puxão de orelhas: “somos gerados para uma curta existência.  A vida é breve e a arte é longa. Está errado. Não dispomos de pouco tempo, mas desperdiçamos muito. A vida é longa...
A presidenta do Instituto Justiça Fiscal aponta o falso dilema para a escolha eleitoral de 2022 e indica as fontes de custeio para vencer o quadro desolador de fragilidade da maioria do povo brasileiro. A próxima eleição, se ocorrer, certamente exigirá muito de nós. Mas não será uma escolha difícil. Para começar, terceira via não existe! Ou melhor: existe, em Bolsonaro. Este, que pode parecer insano, sádico, intratável, joga o jogo e...
A Constituição Cidadã erigiu a dignidade da pessoa humana como seu fundamento, ao lado da soberania, cidadania, valores sociais do trabalho e da livre iniciativa e o pluralismo político. Trata-se, portanto, de um dos pilares que legitimam o Estado Social e Democrático que fundou....
img
img
img
PUBLICAÇÕES RECENTES
img




img



img
img
img
CASAS img LOTES img FAZENDAS
img
CHÁCARAS img PRÉDIOS COMERCIAIS img GALPÕES
img
RSS  Dicas de Leitura Dicas de leitura
img
Ambientado em uma comunidade japonesa de São Paulo, lançamento ficcional da escritora Juliana Marinho promove o poder da música como intervenção para cura de doenças. A musicoterapia, união da arte e saúde em busca da reabilitação ou promoção do bem-estar, é a responsável...
Por meio da personagem Malu, as escritoras e letrólogas paulistas Nanda Mateus e Raphaela Comisso dialogam com as crianças sobre diversidade familiar e desmistificam a homoparentalidade. Nanda Mateus trabalha com educação e inovação em tecnologias para...
Existem músicas para os momentos felizes, tristes e até aquelas que marcam datas especiais, mas para Melody King é diferente: as canções são uma consequência — infelizmente incontrolável — de uma rara doença. As dificuldades em lidar com as embaraçosas situações,...
img
img
RSS  Top Vdeos Top Vídeos
img
Thumbnail
img
img
img
RSS  Classificados Classificados
img
img
img



RSS GOOGLE + YOUTUBE TWITTER FACEBOOK