Curso de psicologia: 5 carreiras que vocÍ pode seguir apůs se formar
06/12/2017 18:02 - Editoria

Imagem: reprodução pixabay.com

A área de Psicologia não se restringe aos atendimentos clínicos, e pode oferecer ao estudante que acaba de se formar uma ampla atuação. Se a sua opção de carreira é o curso de Psicologia, conheça 5 carreiras que você pode seguir dentro desta profissão.

Orientação Profissional

A orientação profissional difere da orientação vocacional. Enquanto a orientação vocacional descobre quais as aptidões do estudante e qual a área de interesse que mais se aproxima dos seus gostos, deixando à sua disposição uma gama muito ampla de opções, o orientador profissional entra para guiar o futuro calouro e afunilar as opções de atuação dentro da área escolhida por ele. Com um enfoque mais técnico, auxilia muito na escolha de qual caminho tomar na futura carreira.

Psicologia Educacional

Este é um ramo da Psicologia com foco na melhoria dos mecanismo do processo de ensino-aprendizagem, tanto em relação à instituição quanto ao aluno. O psicólogo educacional trabalha com estratégias educacionais e trata casos de dificuldade de aprendizagem, hiperatividade, déficit de atenção e alterações comportamentais ou emocionais. Além disso, também observa o funcionamento da instituição educativa, e estuda os vínculos dos alunos com as instituições.  
Psicologia do Trânsito

Esta é uma área em que o aluno do curso de Psicologia pode atuar estudando o comportamento humano e sua relação com o contexto do trânsito e seus processos internos e externos. Visa entender como o ser humano se comporta em relação ao trânsito e como isso afeta sua vida. Busca achar soluções para harmonizar e equilibrar as novas demandas de trânsito com o bem-estar do indivíduo.

Psicologia hospitalar

Esta é uma área da Psicologia que tem como proposta oferecer suporte ao indivíduo adoecido, proporcionando auxílio para que ele possa atravessar este momento com melhores condições mentais. Além disso, tem como foco entender e tratar os aspectos em torno do adoecimento, inclusive com atenção às alterações da vida do doente em decorrência da hospitalização.

Psicologia esportiva

Trabalha com o preparo emocional do atleta para o desempenho de seu trabalho. Como esta é uma área profissional que conta com uma pressão acima do comum e bastante competitividade, é preciso cuidar da mente do esportista para que ele possa desempenhar seu papel com tranquilidade, sem que isso afete sua rotina familiar e pessoal.

Da Assessoria
http://www.novoeste.com/index.php?page=destaque&op=readNews&id=32508&title=Curso-de-psicologia-5-carreiras-que-voc%EA-pode-seguir-apos-se-formar