Certeza da impunidade: a me de todos os males
20/04/2017 17:37 - Editoria

Dezenas ou centenas de revistas, roupas velhas,
materiais variados de muitas espécies, que, três dias após serem depositados e, remexidos por catadores, que levaram tudo o que pudesse servir, espalha-se agora pela rua, maculando o asfalto recém inaugurado.

Apesar da existência em Barreiras de uma Lei municipal que prevê multa para quem for flagrado jogando lixo na rua, logo após a Prefeitura local haver feito a nova pavimentação asfáltica – por sinal, muito boa - na rua Barão de Cotegipe, proprietários da Fazenda São Francisco (nome no caixão jogado no lixo) depositaram na estreitíssima calçada da casa que pertenceu ao barreirense falecido, Suringa, que fica logo após o Museu Municipal, uma quantidade enorme de lixo. E por não temerem a citada multa, nem tentaram esconder a procedência do mesmo, no nome escrito em vários caixotes: Fazenda São Francisco!


E é lixo muito: dezenas ou centenas de revistas, roupas velhas, materiais variados de muitas espécies, que, três dias após serem depositados e, remexidos por catadores, que levaram tudo o que pudesse servir, espalha-se agora pela rua, maculando o asfalto recém inaugurado. E olhem que o contêiner para recolhimento do lixo fica na vizinha praça Amfilófio Lopes, a poucos metros de distância! Ah, a impunidade!...

Muitas pessoas procuraram nosso jornal, pedindo a providência única que pode obter a aplicação da multa – já que o nome Fazenda São Francisco, quem quer que seja o seu proprietário, identifica-o perante os Poderes Públicos constituídos – eleitos há pouco tempo pela população – que agora espera no mínimo que a lei da multa para quem suja a cidade seja cumprida pela Prefeitura!


Denúncia dão conta de que o monte de lixo aumentou

Mais adiante, na Praça Anfilófio Lopes, outro monte de lixo foi depositado há vários dias na frente do depósito de João de Germano, teve o mesmo destino de ser levada uma parte por catadores, mas o resto continua lá, no mesmo lugar, incentivando moradores a jogar ali suas sacolas de lixo, em lugar de caminhar um pouco mais e depositá-las no contêiner da praça! Pena que não existe possibilidade de identificação! Mas se a Prefeitura cumprir a Lei e começar a multar, logo os próprios moradores vão fiscalizar suas ruas e praças, única forma de tornar a cidade mais limpa!  

Reporter interbairros
Da Redação 
http://www.novoeste.com/index.php?page=destaque&op=readNews&id=28725&title=Certeza-da-impunidade-a-mae-de-todos-os-males