Novoeste on-line - Onde o Oeste da Bahia é Notícia
> Principal > JUVENTUDE CRÍTICA > >
 
Professor:
HENRIQUE VIANA
Licenciado em Letras pela UNEB,
Especialista em Estudos Linguísticos:
Leitura e
Produção Textual, pela UNEB,
Professor no Gauss - Centro de Estudos.
img

Depoimentos:

;
img
Juventude Crítica: Voluntariado
04/05/2017 as 11:32 h  Autor admin  Imprimir Imprimir
Análoga à afirmação do filósofo Bauman, em sua obra Modernidade Líquida: ‘’ Nós somos responsáveis pelo outro’’, tem-se a principal característica do voluntariado, que é a responsabilidade de garantir assistência, em qualquer âmbito, ao próximo e sem nenhum tipo de cobrança financeira. Esse tipo de atitude é de fundamental importância na unidade social contemporânea, que prevalece o individualismo e a desigualdade social, pois proporciona integração entre os cidadãos e melhoria na qualidade de vida de quem é assistido.

O capitalismo desencadeou uma sociedade desigual, egoísta e individualista, que vive almejando o lucro, com isso, grupos periféricos como os sertanejos, moradores de favelas ou até doentes são menosprezados socialmente. Diante desse cenário, é fundamental a existência do trabalho voluntário para a geração de benefícios sociais. Como exemplos, têm-se os ‘’Voluntários do Sertão’’, que ocasionam tratamentos médicos aos moradores do Sertão, o grupo ‘’Nós do Morro’’, que tem o objetivo de proporcionar acesso à arte e à cultura no Morro do Vidigal- Rio de Janeiro- além dos ‘’Doutores do Riso’’, que garantem momentos de lazer em hospitais. Dessa forma, a sociedade só conviverá em harmonia e sem desigualdades no momento em que o próximo também for prioridade, e isso pode ocorrer por meio do voluntariado.

Além disso, o trabalho voluntário garante benefícios individuais, pois o voluntário ao se tornar ativo na solução de problemas sociais, abandona além do individualismo contemporâneo, o estresse cotidiano e passa a sentir prazer em ajudar, o que melhora a própria qualidade de vida. O médico, Patch Adams, por exemplo, fundou o instituto Gesundheit, o qual presta serviços sem cobrança financeira, pois ele acredita que ao ajudar o próximo, contribui para a melhoria da própria saúde ao ativar neurotransmissores que favorecem seu organismo. Logo, o voluntariado é a principal ferramenta para uma vida social e individual equilibrada e saudável.

Infere-se, portanto, que é necessária a existência do voluntariado para o melhor funcionamento social, mas essa prática deve se tornar frequente e mais efetiva. Dessa forma, é importante que ONGs, em parceria com os centros religiosos e canais midiáticos, promovam campanhas, como a ‘‘Seja um Voluntário” informando como e onde a população deve colaborar. Ademais, o Ministério de Cultura, deveria proporcionar atividades que estimulem as pessoas a se tornarem voluntárias. Por fim, o cidadão deve ser mais ativo no trabalho voluntário e criar mais grupos, como os ‘’Doutores do Riso’.
 


Giovanna Coutinho
Ex-aluna do Gauss - Centro de Estudos
Comente via Facebook

Leia mais
Não há comentários.
img


img
RSS  Artigos Artigos

Quando me perguntam se é possível aplicar na educação brasileira práticas bem-sucedidas de países com melhores resultados educacionais que o Brasil, costumo responder - para surpresa do interlocutor - com uma afirmação e uma negativa. Essa conjunção de ‘sim e não’ é a...
Até o pleito de outubro, os eleitores colocarão uma lupa sobre os candidatos. Farão um controle mais apurado do que em eleições passadas. Primeiro, em função da desconfiança que paira sobre os políticos. Segundo, porque o voto começa a sair do coração para subir à cabeça. O voto...
Na esteira da decretação de intervenção na segurança pública do Rio de Janeiro, vemos o embate de como executar o trabalho. Membros do governo dizem que as Forças Armadas não terão poder de polícia, falam em ação de busca e apreensão monitorada pelo Judiciário e...
Isso é Brasil! Até onde vai a promiscuidade dos nossos governantes?  Será que estão realmente preocupados com a melhoria do ensino de medicina ou com possíveis futuros financiadores de campanhas políticas, em face à realidade nacional?  Pois bem; de olhos gananciosos no alto...
O escritor sergipano Ariosvaldo Figueiredo escreveu certa vez que “moralismo e juridicismo são vertentes ideológicas de uma pequena minoria conservadora”. Frase que nunca esteve tão atual como nos dias em que vivemos, onde quem deveria zelar pela moral e pelos bons...
img
img
img
PUBLICAÇÕES RECENTES
img




img

img
img
img
CASAS img LOTES img FAZENDAS
img
CHÁCARAS img PRÉDIOS COMERCIAIS img GALPÕES
img
RSS  Dicas de Leitura Dicas de leitura
img
Como falar às crianças e adolescentes sobre respeito às diferenças? E se essas diferenças forem algo de certa forma muito difícil de explicar? É isso que faz de forma poética e muito alegre o livro Você sabe quem eu sou? Então vou te contar, de Herica B. T. Secali.
Ao questionar Paulo Freire, Ronai Rocha analisa alguns dos paradigmas mais arraigados na nossa educação. A crise na educação brasileira é inegável. A baixa qualidade das aprendizagens, a estagnação do desempenho escolar nos testes padronizados, a pouca...
Mais de quinze anos depois do lançamento de As aventuras de Pi, Yann Martel retoma ao cenário literário com o romance As altas montanhas de Portugal, publicado no Brasil pelo selo Tordesilhas. Nesse livro, Martel mantém o estilo inventivo e...
img
img
RSS  Top Vídeos Top Vídeos
img
Thumbnail
img
img
img
RSS  Classificados Classificados
img



img
img



RSS GOOGLE + YOUTUBE TWITTER FACEBOOK