Novoeste on-line - Onde o Oeste da Bahia é Notícia
> Principal > Conversa com a Presidenta > 2014 > 23/05 - Coluna semanal da Presidenta Dilma Rousseff
 




23/05 - Coluna semanal da Presidenta Dilma Rousseff
23/05/2014 as 08:05 h  Autor Sec. de Imprensa da Presidência da República  Imprimir Imprimir
Modernos Aeroportos nas Capitais e no Interior

Nesta terça-feira, estou inaugurando um novo terminal no aeroporto de Guarulhos, em São Paulo, o maior do Brasil. É um terminal moderno, confortável e com capacidade para receber 12 milhões de passageiros por ano. Este terminal é maior que os outros três que já operam em Guarulhos e que, em breve, serão reformados. O novo terminal tem 20 pontes de embarque e um pátio capaz de atender 34 aeronaves ao mesmo tempo.

Obras como essa estão sendo entregues nos aeroportos de todo o Brasil. Elas incluem, por exemplo, novos terminais de embarque e desembarque, reforma de terminais existentes, ampliação de pistas e pátios para movimentação das aeronaves, aumento de estacionamentos, modernização de esteiras de bagagens. Em abril, inaugurei, em Brasília, o Pier Sul do Aeroporto JK, e ainda este mês será inaugurado o Pier Norte. Os novos piers permitirão mais que dobrar o número de pontes de embarque. No Galeão, a reforma dos terminais e a expansão do Terminal 2 elevaram em quase 80% a capacidade de atendimento dos passageiros. Em Manaus, a capacidade do aeroporto foi triplicada com a ampliação e a modernização do terminal de passageiros. No Aeroporto de Confins, em Minas Gerais, até o final do mês, vamos concluir as obras do Terminal 3 e a reforma do saguão do Terminal 1. Em Cuiabá, por exemplo, as obras vão quadruplicar a capacidade de atendimento. No Rio Grande do Norte, teremos um aeroporto inteiramente novo já agora no mês de maio, construído pela iniciativa privada em São Gonçalo do Amarante, cidade vizinha a Natal.

Todos esses investimentos produzirão impactos positivos já durante a Copa, mas o objetivo deles é atender ao crescimento da demanda no Brasil. São investimentos para as nossas necessidades de hoje e para o futuro. Nos últimos anos, viajar de avião passou a fazer parte do cotidiano de milhões de brasileiros. De 2003 para cá, o número de passageiros nos nossos aeroportos saltou de 33 milhões para 111 milhões ao ano. Isso está acontecendo porque, nesse período, a renda dos brasileiros aumentou , permitindo-lhes viajar de avião. Muitos milhões de brasileiros viajaram de avião pela primeira vez nesse período.

Para realizar essas obras, iniciamos, desde 2011, uma política de concessão de aeroportos com resultados muito positivos. Adotamos um modelo de gestão compartilhada. Por esse modelo, a iniciativa privada assume a administração dos aeroportos e a Infraero, empresa do Estado, continua com uma participação importante, de 49%. Hoje, com a experiência das maiores e melhores empresas de administração de aeroportos do mundo, cinco dos grandes aeroportos do Brasil já funcionam neste modelo: Guarulhos, Brasília, Viracopos, Confins e Galeão.
Além disso, ao pensar no futuro, nossas atenções não estão voltadas apenas para os aeroportos das grandes cidades. Pela primeira vez na história, o Governo Federal age vigorosamente para modernizar os aeroportos localizados em nossas pequenas e médias cidades. Estamos investindo R$ 7,3 bilhões na expansão de 270 aeroportos espalhados pelo interior do Brasil. Esses aeroportos regionais vão descentralizar e facilitar o fluxo de passageiros. Assim, quem está longe dos grandes centros vai, progressivamente, poder pegar um avião a menos de 100 quilômetros de onde mora ou trabalha. Já concluímos os estudos de viabilidade de 163 aeroportos, e agora estamos na fase de elaboração dos projetos de engenharia. Já temos R$ 186 milhões em contratos de projetos assinados e em execução. A partir de junho, começaremos as licitações para as obras, que prosseguirão ao longo de todo o segundo semestre de 2014. É importante destacar que os recursos para essas obras nos aeroportos regionais vêm das concessões dos grandes aeroportos.

Vamos, também, isentar os aeroportos regionais de todas as tarifas aeroportuárias e subsidiar as passagens aéreas para rotas originadas ou destinadas a esses aeroportos, sempre que isso for necessário para garantir a regularidade dos voos. Vamos subsidiar 50% dos assentos ou até 60 assentos por aeronave para aproximar o preço da passagem de avião à dos ônibus e democratizar ainda mais o acesso ao transporte aéreo. Com a ampliação da aviação regional vamos estimular o turismo, facilitar as viagens de negócios, aumentar a capacidade de transporte aéreo de cargas, aproximar famílias e conectar populações que vivem isoladas na imensidão deste Brasil.
Não há comentários.
img



img
RSS  Artigos Artigos

Se tivesse conseguido mobilizar todos os trabalhadores, a dita greve geral causaria um prejuízo de R$ 16 bilhões à economia brasileira. Esse número é o que resulta da divisão do PIB (Produto Interno Bruto) anual – R$ 6 trilhões - por 365 dias. Mas, mesmo não tendo chegado a essa...
Entrou na pauta da Câmara dos Deputados a nova versão do projeto de reforma trabalhista, agora a partir do relatório apresentado pelo deputado Rogério Marinho, relator da Comissão Especial que analisa a proposta. Como ocorre na fantasia, na dura realidade do País, a formiga...
Em 1891 uma polêmica agitou os círculos operários e socialistas na Europa. Naquela época, tratava-se de fixar o 1º de maio como data internacional a ser comemorada em todos os países. Mas naquele ano os socialistas alemães resolveram que comemorariam o 1º de maio (que caía em...
O fim do imposto sindical é um crime contra a democracia e contra os trabalhadores. Fragiliza o mundo do trabalho e libera o mercado para ter ainda mais lucros, abrindo caminho para ampliar a nossa dramática desigualdade social, uma das maiores do mundo. Os mais pobres vão...
O ser humano se constrói todos os dias e um pouco por dia. Ninguém nasce pronto e nunca estaremos prontos. Vamos nos fazendo. Estamos abertos a construção. Por isso, quando alguém diz "eu já fiz tudo", " eu já sei tudo", está indo contra a própria dinâmica da vida de estar sempre...
img
img
img
PUBLICAÇÕES RECENTES
img




img


img
img
img
CASAS img LOTES img FAZENDAS
img
CHÁCARAS img PRÉDIOS COMERCIAIS img GALPÕES
img
RSS  Dicas de Leitura Dicas de leitura
img
Obra da Ática, lançada em 2011, traz as ilustrações originais de Jim Kay e tradução do escritor Antônio Xerxenesky. É o pesadelo de novo, como em quase todas as noites depois que a mãe de Conor ficou doente. A escuridão, o vento, os gritos – e o despertar no mesmo ponto, antes de...
Os Direitos Humanos e os Valores Humanistas estão presentes nas mais diversas tradições religiosas e filosóficas da Humanidade. Eles não são monopólio do Ocidente ou propriedade cristã. As maiores religiões e sistemas filosóficos afinam, nos seus grandes postulados, com as...
O ex-ministro Luiz Carlos Borges da Silveira, que ocupou a pasta da saúde entre os anos de 1987 e 1989, no governo de José Sarney, acaba de lançar seu novo livro: “Nova República: 30 Anos de altos e baixos”. A obra retrata o período que vai do fim da ditadura militar e eleição do primeiro presidente...
img
img
RSS  Top Vídeos Top Vídeos
img
Thumbnail
img
img
img
RSS  Classificados Classificados
img



img
img



RSS GOOGLE + YOUTUBE TWITTER FACEBOOK