Novoeste on-line - Onde o Oeste da Bahia é Notícia
> Principal > Artigos > Pauta Livre > Milagres socioespirituais de Jesus
 
Milagres socioespirituais de Jesus
22/07/2017 as 10:19 h  Autor José de Paiva Netto  Imprimir Imprimir
Jesus, sendo o Supremo Governante do planeta Terra, em Sua Primeira Vinda Visível a este orbe, realizou também verdadeiros milagres socioespirituais. E ampliou o nosso olhar sobre a Religião, que, além do forte acolhimento espiritual, igualmente é, por isso mesmo, todo o tempo que for necessário, Altruísmo, Solidariedade, Generosidade: “socorrer as viúvas”, provendo-as de proteção social; “amparar os órfãos”, garantindo-lhes educação e desenvolvimento social, de forma que lhes assegure um futuro ético e consequentemente digno; “vestir os nus e alimentar os famintos”, proporcionando-lhes trabalho honesto, para a obtenção de seu sustento; “curar os enfermos”, dando-lhes acesso a hospitais de qualidade e médicos preparados, não apenas na técnica, como também no sentimento; “visitar os presos”, oferecendo-lhes a atenção precisa, de modo que tenham a chance de renovação, reequilíbrio e reintegração com autonomia na sociedade; “expulsar os demônios (os obsessores ou espíritos ignorantes)”; e, além das providências espirituais, abrir novas perspectivas adiante da matéria, para as ciências que cuidam da mente humana (Evangelho, segundo Mateus, 10:8 e 25:35 a 36; Marcos, 1:21 a 28; Lucas, 8:26 a 35; e Epístola de Tiago Apóstolo, 1:27).

A que podemos chamar isso, senão de Política Espiritual Solidária? Trata-se de uma política de verdadeira Paz. É a autêntica Política de Deus, do Cristo e do Espírito Santo: para a Essência Eterna do ser humano, com as melhores consequências para os povos, quando libertos dos ódios religiosos e ideológicos.

No Cristo reside, pois, a Chave, porque Ele nos ensinou a amar, e o Amor é a mais inteligente expressão da nossa Alma, a fim de promover a cura social das nações. Contudo, a citada chave, “para os que têm olhos de ver e ouvidos de ouvir”, inicia-se pelo Espírito, já que tudo parte de Deus, compreendido como Amor, ou Caridade. O Pai Celestial é justamente Espírito, conforme explicado por Jesus à samaritana, junto ao Poço de Jacó (Evangelho, segundo João, 4o:24).

Entretanto, é forçoso nunca se esquecer de que a reforma do social vem pelo espiritual. Daí estudarmos o impacto das curas espirituais de Jesus sobre o campo social ativo. A compreensão disso, ó jovens de corpo e de Espírito, é uma intensa revolução, que se descortina no horizonte do mundo.

Jamais menoscabem essa dica. A prática dessa consciência sublime e divina emoção, aliadas à verdadeira Justiça, não aos justiçamentos, constitui-se na Política mais eficaz que o ser humano pode exercer. O tempo mostrará aos pessimistas.

Jesus e Seu amparo universal

É imprescindível salientar que os milagres socioespirituais promovidos por Jesus desde a fundação do mundo, passando por Sua convivência visível no planeta, até os dias atuais e para todo o sempre não se restringem a nenhuma tradição espiritual terrena. O Amigo Celeste, sempre inspirado por Deus, paira acima de todas as diferenças religiosas. Nada O impediu de praticar a Caridade, nem mesmo as convenções culturais em Sua passagem pela Terra, demonstrando, por exemplo, que era lícito fazer o Bem no dia de sábado (Evangelho, segundo Mateus, 12:12). Basta lembrar o que declarou Pedro Apóstolo na visita que fez ao centurião Cornélio: “34 Então, falou Pedro, dizendo: Reconheço, por verdade, que Deus não faz distinção de pessoas; 35 pelo contrário, em qualquer nação, aquele que O teme e faz o que é justo Lhe é aceitável. 36 Esta é a palavra que Deus enviou aos filhos de Israel, anunciando-lhes o Evangelho da Paz, por intermédio de Jesus Cristo. Este é o Senhor de todos (Atos dos Apóstolos, 10:34 a 36).

Sendo Jesus o modelo exaltado da Fraternidade Ecumênica, isto é, universal, possui sintonia com todas as crenças do mundo. Ora, as diferentes Religiões não são opostas, mas complementares. O mesmo ocorre relativamente à Ciência, à Filosofia, à Política, à Arte, ao Esporte etc. entre si.




José de Paiva Netto, jornalista, radialista e escritor.
paivanetto@lbv.org.br – www.boavontade.com

Comente via Facebook
Mais Artigos
Não há comentários.
img



img
RSS  Artigos Artigos

No clássico “Raízes do Brasil”, o historiador Sérgio Buarque de Holanda, ao falar do homem cordial como uma marca indestrutível do caráter brasileiro (cordial não quer dizer para ele bondoso, mas retrata principalmente os que agem movidos pela emoção e não pela razão), desdobra-se...
Quando cito em minhas palestras e escritos os educadores, procuro dirigir-me não apenas aos heroicos profissionais dessa vocação, aos que realmente merecem essa deferência, contudo, àqueles que recebem de Deus (todos nós) a missão de encaminhar pela estrada correta...
Um ano depois da posse definitiva – ocorrida a 31 de agosto – o presidente Michel Temer ainda bate cabeça para definir a diretriz do seu governo. A ampliação do rombo das contas públicas, que agora tentará aprovar no Congresso, obriga o governo a tomar dinheiro emprestado do...
Uma nova modalidade de safadeza está acontecendo no mundo político no Brasil, e poucas pessoas estão atentas para isso por causa do forte ingrediente do personalismo na política. São os partidos políticos que para limpar a sujeira de suas roupas velhas, para fazer com que...
As últimas décadas foram repletas de mudanças na sociedade, de uma forma tão intensa, que talvez não tenha ocorrido antes. Nosso mundo globalizado possibilita chegarem rapidamente pensamentos e fatos, de uma parte a outra do mundo, especialmente com o advento das...
img
img
img
PUBLICAÇÕES RECENTES
img




img

img
img
img
CASAS img LOTES img FAZENDAS
img
CHÁCARAS img PRÉDIOS COMERCIAIS img GALPÕES
img
RSS  Dicas de Leitura Dicas de leitura
img
Mais de quinze anos depois do lançamento de As aventuras de Pi, Yann Martel retoma ao cenário literário com o romance As altas montanhas de Portugal, publicado no Brasil pelo selo Tordesilhas. Nesse livro, Martel mantém o estilo inventivo e...
Com os filhos pequenos à sua volta, Graça Ramos fazia a brincadeira das palavras para estimulá-los a construir um vocabulário rico. “Saía muito disparate”, ela se diverte ao lembrar. Ainda grávida, lia em voz alta para que os bebês em...
Obra da Ática, lançada em 2011, traz as ilustrações originais de Jim Kay e tradução do escritor Antônio Xerxenesky. É o pesadelo de novo, como em quase todas as noites depois que a mãe de Conor ficou doente. A escuridão, o vento, os gritos – e o despertar no mesmo ponto, antes de...
img
img
RSS  Top Vídeos Top Vídeos
img
Thumbnail
img
img
img
RSS  Classificados Classificados
img



img
img



RSS GOOGLE + YOUTUBE TWITTER FACEBOOK