Novoeste on-line - Onde o Oeste da Bahia é Notícia
> Principal > Artigos > Pauta Livre > O desafio para representar mortos vivos
 
O desafio para representar mortos vivos
11/04/2017 as 18:41 h  Autor Genaldo de Melo  Imprimir Imprimir
Nas últimas semanas vem chamando a atenção a participação cada vez mais efetiva nos espaços da mídia do Jornalismo da Obediência do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso. Praticamente todos os finais de semana ele opina sobre um tema relacionado ao mundo político, sobre a economia e as reformas de Michel Temer, bem como sobre assuntos espinhosos em relação ao seu próprio partido, o PSDB.

Simbolicamente isso representa o interesse do mesmo em não deixar que a chama do seu partido, que está indo a cada dia para a bancarrota com erros políticos aparecendo a olhos vistos, se apagar. Como não tem mais como reverter o quadro nefasto em que se meteram personagens famosos como Aécio Neves e José Serra, a única saída para que os tucanos não desapareçam de vez do cenário político é FHC escrever e opinar a qualquer custo sobre qualquer assunto.

Isso também simbolicamente significa que o PSDB a cada dia que passa não consegue mais ser a alternativa da direita para as eleições de 2018, a não ser que eles resolvam enfrentar as forças de esquerda, que a cada dia mais crescem em pesquisas de opinião, com a participação nas urnas do próprio personagem de FHC, com sua avançada idade e sua história estranha enquanto político.

A insistente participação de FHC em jornais, com a Folha de São Paulo, para opinar sobre os mais variados assuntos pode ser uma alternativa do PSDB para não ficar no ostracismo, mas não redime de modo nenhum seus mais graves pecados contra a própria democracia brasileira. Na história política brasileira, o PSDB foi o único partido político que não concordou com os resultados das urnas e resolveram irresponsavelmente prejudicar o próprio Brasil e o povo brasileiro.

Mas a simbologia das opiniões de FHC é muito forte e sinaliza que está acabando uma era de polarização entre o PSDB e o PT, pois a guerra política que foi feita contra os petistas para tirá-los do mundo político, pode não ter sido vencedora como tucanos acharam a partir do momento que derrotaram o PT nas urnas nas últimas eleições municipais. As últimas pesquisas de opinião demonstram que mesmo o PT sendo achincalhado como uma espécie de organização criminosa, quem subiu no gosto popular foi o petista Lula, e quem caiu em desgraça foram os tucanos de altas plumagens. Como a história continua sendo a prova dos nove resta para os tucanos apenas a senil opinião de FHC!




Por Genaldo de Melo
Fonte: genaldo40.blogspot.com

Comente via Facebook
Mais Artigos
Não há comentários.
img



img
RSS  Artigos Artigos

Tivemos, no Amazonas, uma eleição temporã, que procura escolher o novo governador do Estado. De sete candidatos, restaram para concorrer no segundo turno dois ex-governadores – Amazonino Mendes (PDT) e Eduardo Braga (PMDB) – cujos partidos são denunciados por...
A Educação é o fator primordial para o desenvolvimento de uma nação. E com a Educação alcançaremos desenvolvimento em todas as áreas da ciência. Países como Israel, Coréia do Sul, China, Japão, e Índia, são exemplos emblemáticos... Ele investem pesado em ciência e...
A resposta é rápida. "Os políticos". O governo que em sucessivas administrações tem se preocupado mais com o que vão desviar do que ajudar o povo brasileiro. O Brasil é um continente. Não sofre de catástrofes naturais. Não tem tsunami. Não tem terremoto. Não tem vulcão. Não tem...
Seria a política a arte de enganar? De fazer vibrar as emoções dos menos favorecidos em seu sonho de uma vida melhor? Ainda me lembro de que minha dissertação do mestrado em Direito versava sobre a Saúde Pública e a Inclusão Social, dois temas previstos na nossa Constituição de 1988, talvez a mais romântica Constituição de todos os tempos. Hoje, depois de tudo que temos vivenciado e descoberto na política brasileira, sabemos que...
A política atual é um desastre, nossos políticos não aprendem e não se emendam, ou pior: não querem mudar e colocam jogo de interesses partidários e, especialmente, vontades pessoais acima da Nação. Valem-se de propostas, projetos e Medidas Provisórias destinadas a recompor a ...
img
img
img
PUBLICAÇÕES RECENTES
img




img

img
img
img
CASAS img LOTES img FAZENDAS
img
CHÁCARAS img PRÉDIOS COMERCIAIS img GALPÕES
img
RSS  Dicas de Leitura Dicas de leitura
img
Mais de quinze anos depois do lançamento de As aventuras de Pi, Yann Martel retoma ao cenário literário com o romance As altas montanhas de Portugal, publicado no Brasil pelo selo Tordesilhas. Nesse livro, Martel mantém o estilo inventivo e...
Com os filhos pequenos à sua volta, Graça Ramos fazia a brincadeira das palavras para estimulá-los a construir um vocabulário rico. “Saía muito disparate”, ela se diverte ao lembrar. Ainda grávida, lia em voz alta para que os bebês em...
Obra da Ática, lançada em 2011, traz as ilustrações originais de Jim Kay e tradução do escritor Antônio Xerxenesky. É o pesadelo de novo, como em quase todas as noites depois que a mãe de Conor ficou doente. A escuridão, o vento, os gritos – e o despertar no mesmo ponto, antes de...
img
img
RSS  Top Vídeos Top Vídeos
img
Thumbnail
img
img
img
RSS  Classificados Classificados
img



img
img



RSS GOOGLE + YOUTUBE TWITTER FACEBOOK